Óculos de sol são produzidos com CDs e DVDs reaproveitados

|

por contato@ciclopak.com.br, em 20 de outubro de 2013 em design, inovação com nenhum comentário

O estúdio de design taiwanês MiniWiz está em constante busca por produtos sustentáveis. Uma das criações é a linha de óculos de sol, produzida a partir de CDs e DVDs reciclados.

Além de o composto reaproveitar velhos objetos, também é misturado cascas de arroz carbonizadas, que, por sua vez, provêm de resíduos agrícolas. As embalagens dos óculos também são sustentáveis, feitas com polipropileno reciclado.

Post-oculos-imagem1

MiniWiz/Divulgação

Esse processo de fabricação traz uma economia ambiental, uma vez que poupa os recursos da natureza e ainda reduz em 70% as emissões de carbono. Cada par de óculos é vendido em caixas semelhantes às de tortas de maçã vendidas pelo Mc Donalds.

A linha Re-View é uma criação da Miniwiz – empresa que já transformou desenvolveu capa de iPhone sustentável, museu com CDs e DVDs reaproveitados, e, mais recentemente, criou uma loja da Nike reutilizando diversos resíduos.

A empresa garante que o material é flexível, antialérgico e possui proteção UV. Apesar de não informar como adquirir o produto, a MiniWiz sugere entrar em contato por meio desses canais.

Post-oculos-imagem2

MiniWiz/Divulgação

Para os brasileiros, uma opção mais próxima são os óculos da Zerezes – fabricados com madeira descartada por alunos da PUC do Rio de Janeiro. Também em São Paulo, são produzidos óculos de madeira pela empresaLeaf.

logo_horizontal

Via Ciclo Vivo

Bakuara LAB 2013

|

por Bakuara, em 25 de abril de 2013 em bakuara lab, inovação, upcycling com nenhum comentário

Todos sabem que temos um grande problema com o lixo, mas você sabe o tamanho dele? 183 mil toneladas de resíduos são descartadas todos os dias no Brasil e 73 mil são resíduos que podemos recuperar, isso equivale a quase 20 Maracanãs cheios de resíduos recuperáveis em 1 ano.
Por isso a Bakuara, desenvolveu um workshop, chamado Bakuara Lab, para gerar ideias de reutilização para resíduos que vão para aterro. Nosso resíduo da vez é o carpete, carpete mesmo, aquele que você tinha em casa e depois de um tempão jogou inteiro fora. E você vai participar de um desafio real da empresa DTP.

E para termos essas novas ideias, pensamos em uma metodologia de geração de ideias, que foi baseada em Design Thinking e Playstorm.

img_upcyclinglab

Nesse encontro você vai aprender:

– Técnicas de Geração de Ideias (Brainstorm, Playstorm e Design Thinking);

– Conceitos de Gestão de resíduos;

– Conceitos de reutilização (upcycling);

– Prototipagem. Não é necessário ter nenhum conhecimento específico.

Queremos que todas as pessoas participem. A diversidade é que enriquece o nosso processo. O valor das inscrições inclui dois coffee breaks e um almoço com opção para vegetarianos, feito com muito carinho pela Sumaia Marin Gastronomia.

 

Com Vinicius Scaramel, Upcycler especialista em Gestão de Resíduos, é sócio fundador da Bakuara empresa que atua em inteligência em gestão de resíduos. E Mariana Roquette Upcycler especialista em Empreendedorismo Social, trabalhou em empresas como a Gastromotiva e Instituto Reinventar.

 

Quando

Sábado, 11 de maio de 2013.

Das 09h as 18h.

Onde

Ecoworking

Rua General Sócrates, 418 – Penha São Paulo – SP

Programação

9h –  Início e recepção com um delicioso café da manhã da Sumaia Marin Gastronomia

9:30 – Apresentação da Bakuara

10h – Palestra pocket de Erich Burguer da Recicleiros

10:15 – Apresentação do desafio

10:30 – Palestra pocket de Rasso von Reininghaus, representante da DTB

11h – Entendimento + dinâmica Playstorm

11:30 – Observação e análise do material

12h – Almoço incluso da Sumaia Marin Gastronomia

13h – Palestra pocket Rafael Siqueira, fundador do Ecoworking e da SOS

13:15 – Alinhamento de ponto de vista

13:40 – Ideação 1 + dinâmica Playstorm

14:40 – Ideação 2 + World Café

15:30 – Prototipagem +Coffee Break da Sumaia Marin Gastronomia

16:30 – Apresentação

17:30 – Fechamento

Investimento

R$ 110,00 para os 4 primeiros inscritos;

R$ 135,00 para os próximos 10 participantes;

R$ 150,00 para os 20 restantes.

Para se inscrever acesse o link:

http://nos.vc/pt/projects/275-bakuara-lab-reutilizacao-de-residuos

Soluções inovadoras para a gestão de resíduos

Empresa fundada para fornecer consultoria em resíduos sólidos de maneira inovadora e eficiente, que tem como parte de sua filosofia dividir conhecimento. Por isso, também atua com treinamentos, oficinas e workshops buscando entender a problemática dos resíduos sólidos e criar consciência quanto ao assunto.

Gostou? Compartilhe essa ideia!

 

Skate Guitar

|

por contato@ciclopak.com.br, em 27 de março de 2013 em arte, inovação, música, upcycling com nenhum comentário

 

Após a invenção da guitarra na década de 40 e do skate em 1950, seria quase inevitável que alguém não combinasse estes dois objetos. A ideia de unir os dois ícones veio dos hermamos Ezequiel Galasso e Gianfranco Gennaro. A dupla de Buenos Aires criou a Skate Guitar, um projeto que recicla skates transformando o objeto em uma guitarra.

Post SkateGuitar - imagem 01

Ezequiel sempre foi fascinado por tecnologias sustentáveis e um skatista old-school assumido. Do outro lado, Gianfranco – skatista profissional e músico de hard core na banda B.O.D. Deste mix, veio a ideia de reutilizar os skates recriando o instrumento musical básico do rock: a guitarra.

Post SkateGuitar - imagem 02

Post SkateGuitar - imagem 04

A estrutura de um shape de skate é desenhada para suportar uma pessoa de mais de 80 quilos. Imaginem 14 camadas pressionadas utilizando a tecnologia das melhores marcas de skate do mundo. O Skate Guitar não precisa de muito cuidado: suporta arranhões e batidas tranquilamente.

Post SkateGuitar - imagem 03

Para ver o vídeo das guitarras chorando, clique aqui.

Informações vindas do site Hypeness

Rodolfo Ori
rodolfo_ori  
rodolfo.ori@terra.com.br

Rodolfo foi vendedor por mais de doze anos na área de bens de consumo e há alguns meses resolveu que poderia contribuir mais para ajudar na conscientização das pessoas em fazer um consumo consciente. É colaborador em algumas peças gráficas do Ciclopak e roteirista e escritor nas horas vagas.

Gostou? Compartilhe essa ideia!

 

Reutilizar

|

por Lucas Araujo, em 2 de janeiro de 2013 em ciclopak, cultura, inovação, reutilização com 14 comentários

Reutilização não é só pegar algo e reusá-lo. Para mim, reutilizar é inovar, é dar utilidade para algo que estava inutilizado, mal aproveitado, ou até mesmo aproveitar algo que iria para o lixo, sem perceber que poderíamos reaproveitá-lo com simplicidade. Todos nós temos necessidades, mas será que realmente temos que COMPRAR tudo o que precisamos ?

Percebo que tanto latas de conserva quanto latões de óleo, depois de usados, não são lixo. São soluções:

reutilizar_1

reutilizar_2

Penso que temos a tendência de estranhar as coisas novas. Na verdade são apenas novos conceitos, que refletem nossas necessidades e ações cotidianas.

Mais do que solucionar problemas individuais, podemos solucionar problemas coletivos, como revitalização de bancos, hortas familiares e até mesmo iluminação com garrafa pet:

reutilizar_3

Entendo que podemos reutilizar materiais, espaços, ambientes, praças, pessoas, hábitos, ideias… tudo aquilo que pode se transformar em algo útil, bonito e criativo.

Nesse novo ciclo que se inicia, façamos nós as micro-revoluções! Tenho a convicção de que juntos conseguiremos um mundo melhor. Mais do que falar e pensar, é preciso agir. As oportunidades são infinitas: adotar praças, retirar um lixo do chão que não foi nós que jogamos, separar os recicláveis dos orgânicos, participar de atividades sociais e culturais, divulgar, difundir… É preciso agir com ações simples e coletivas.

Vídeo: Sonho Brasileiro – Manifesto

Lucas Araujo

lucas@ciclopak.com.br
Lucas é um empreendedor nato. Formado em Ciências Atuariais, sempre buscou criar negócios e empreender socialmente com o mesmo desempenho e qualidade que acompanha no setor privado. Trabalhava com artesanato em crochê antes de ingressar no mercado de seguros em 2007. Um dos idealizadores do Projeto Ciclopak, atualmente cuida da parte financeira e comercial do projeto.

Gostou? Compartilhe essa ideia!

parceiros:





apoio:

sobre

Somos uma iniciativa cultural, que propõe a discussão e fomentação da reutilização de materiais explorando as mais diversas áreas criativas do conhecimento por um mundo mais bonito e mais sustentável.

Faça parte desse ciclo!

faça parte

O Projeto Ciclopak é um projeto independente e sem fins lucrativos. Você é fundamental para que essa ideia continue. Buscamos pessoas para colaborar em diversas áreas do projeto e parcerias com empresas comprometidas com o desenvolvimento sustentável. Entre em contato e saiba mais: contato@ciclopak.com.br